Calvície o que é, e o que pode te ajudar

Calvície o que é, e o que pode te ajudar

 O cabelo é uma proteção natural do couro cabeludo, ele cresce em torno de o,35mm a cada 24 horas. O ciclo do cabelo normal já vem programado geneticamente e pasme, num período de 3 a 5 anos ele é trocado completamente. Nós normalmente não vemos tão claramente as mudanças.

Em alguns casos pode se perceber, sabe aquele dia que você vai tentar jogar o cabelo para o outro lado e consegue ver uma falha, ou você pode perceber que ao dividir o cabelo ao meio aquela “risca” que tem bem no meio da cabeça fica bem mais evidente; ou então você vai prender o cabelo e aquele prendedor que você sempre usa fica mais solto que o normal, então você dá mais uma volta no elástico.

À medida que essa perda cabelo vai evoluindo você pode ver seu couro cabeludo mais evidente em alguns casos mais graves. Esse artigo vai te ajudar a identificar a calvície e entender porque ela acontece.

Quando a maioria das pessoas se depara com essa questão isso pode gerar muitos sentimentos negativos e problemas com auto estima. Vamos conhecer melhor o que é a calvície e ao que ela está relacionada.

A calvície ou alopecia (termo médico) se caracteriza pela perda parcial ou total de pelos em uma área da pele. Embora muitos não saibam ela pode atingir também as mulheres. Embora a maioria dos casos se manifesta em homens.

O termo usado alopecia se deriva do grego “alopex” que significa raposa, porque ela tem uma queda frequente de pelos. Mesmo com muitos estudos feitos até hoje não há uma causa genética bem conhecida, embora haja várias teorias.

Chegou-se à conclusão que a calvície é uma herança poligênica, mas não sabemos ao certo quais são os genes responsáveis. Ela está diretamente ligada à testosterona, que em contato com o couro cabeludo é convertido em di-hidrotestosterona (DHT) que reduz o folículo capilar das pessoas com essa predisposição genética, diminui de modo gradual os fios de cabelo, que podem aos poucos irem ficando mais finos, curtos e claros. Essa é chamada de alopecia androgenética ou calvície de padrão masculino. Ela se caracteriza pela perda de cabelos na área frontal da cabeça ou na coroa da cabeça.

Estou perdendo cabelo e agora?

Primeiro passo é lembrar que é normal entre a maioria das pessoas perder de 50 a 100 fios de cabelo por dia. Quando esse fio de cabelo cai logo em seguida no mesmo folículo, começa o crescimento de um novo fio. Esse é o ciclo do nosso cabelo e do seu crescimento.

Quando estiver lavando o cabelo e penteando, e sentir a perda dos fios tente reparar se elas não são exageradas se estiverem dentro desse padrão, tente não se desesperar. À medida que vamos ficando mais velhos, é natural que o crescimento dos fios de cabelo seja mais lento e alguns casos podem até parar, resultando assim na calvície. É interessante pedir para alguém te ajudar a ficar sempre de olho no seu cabelo.

Também é importante lembrar que existem muitos fatores na nossa vida que podem resultar na perda dos fios de cabelo, na maioria das vezes embora a causa seja genética existem muitos motivos que podem acarretar essa perda vamos analisar alguns.

° Má alimentação

Falta de nutrientes e minerais que estimulam o crescimento do cabelo, podem acelerar o processo de perda de fios.

Consumir proteínas é essencial para seu cabelo ficar forte e saudável, visto que o cabelo é praticamente constituído por proteína, a falta dela faz os fios perder a força.

Consuma carne vermelha, peixe ovos e frango seja ele grelhado ou cozido aquela carninha bem temperadinha e gostosa! Isso vai fortalecer o couro cabeludo e o crescimento.

Consumir ferro é muito importante para fortalecer os fios e ficar livre da calvície. Alimentos que contém ferro em uma quantidade maior são nozes e amêndoas. É interessante lembrar das verduras escuras como couve, rúcula, espinafre, brócolis entre outras.

Consumir óleo de coco no cafezinho ou em outra bebida que você goste é uma ajuda e tanto. Passar o óleo nos fios e uma tática, mas não se esqueça de não passar o óleo no cabelo e evitar secar ou passar a queridinha chapinha para não fritar seu querido cabelo.

A anemia também pode causar a queda de cabelo, já que os fios recebem menos sangue, nutrientes e oxigênio, deixando-os mais fracos e quebradiços. Então é muito importante cuidar da sua alimentação não deixe aquele delicioso feijão de lado inclua ele na sua alimentação pois ele também é uma fonte bem acessível de ferro, aumente a digestão de ferro na sua rotina e isso vai te ajudar muito.

° Fatores emocionais

Nesse caso são muitos, por exemplo: estresse, ansiedade e depressão são alguns dos fatores que podem desenvolver a calvície. Nossas emoções afetam todo o nosso corpo. Não ache que só tomar um suplemento vitamínico e mudando o shampoo tudo vai ser resolvido. Temos que analisar dentro de nós, analisar nossos sentimentos.

Você pode tentar reduzir a carga de estresse, participe de atividades de lazer, ao ar livre são tão revigorantes. Faça isso por você pela sua qualidade de vida e evitar outros problemas ainda mais graves que podem surgir com o tempo como intestino irritável ou depressão.

Fatores externos geram mudanças internas em nós seja no corpo como na mente. Então cuide bem de você e isso vai refletir também nos seus cabelos. É incrível pensar nisso não é mesmo, mas você se ama e vai se cuidar direitinho!

° Produtos químicos

Muitos produtos hoje que são usados podem ressecar os fios e fazer com que eles se quebrem. Sabe aquele queridinho alisante alguns tem uma grande ação nesse sentido.

Sempre deixar o cabelo bem hidratado e bem cuidado, procurar um profissional pra te mostras os produtos certos é a melhor forma de reduzir a perca dos fios. Use sempre os produtos apropriados isso é importante tanto para os homens como para as mulheres.

° Excesso de vitamina A ou B

Acredite se quiser! Embora seja algo raro de acontecer a presença excessiva dessas vitaminas pode contribuir para a queda de cabelo. Esta situação é mais comum em quem de modo frequente toma suplementos ou vitaminas por muito tempo.

Suplementos alimentares devem ser tomados com orientação correta. Para que não se tome doses acima do recomendado.

° Gravidez

A queda de cabelo é comum em mulheres no pós parto, o corpo dessas mulheres está em uma grande alteração hormonal, tanto pela gravide em si como pelo “trauma” que o corpo sofreu no parto. Mas em geral essa queda de cabelo pode durar um período de 2 meses.

Mesmo sendo mais raro, a queda de calo também pode surgir durante a gestação especialistas afirmam que está relacionada ao aumento da progesterona que pode deixá-lo mais fraco e quebradiço.

Se esse for seu caso tente evitar ficar estressada com a queda atual do seu cabelo, é um processo natural do seu corpo, mas que você pode ter certeza de que vai passar com o tempo.

Não deixe que esses fatores passem despercebidos, é muito importante fazer tudo ao nosso alcance pra evitar a calvície.

Existem mais duas formas de ela se manifestar.

Cicatricial

É quando o couro cabeludo para a produção, fecha a fábrica de cabelos e no lugar dos folículos origina uma cicatriz. Existem duas categorias: A primeira, causadas por processos autoimunes ou anti-inflamatórios. E a segunda, quando os fios caem devido a queimaduras, produtos químicos como dissemos antes, também micoses, exposição á radicação entre outros. Preste atenção a coceira, couro cabeludo com vermelhidão e a queda de cabelo. Essa alopecia cicatricial primaria pode ser amenizada ou até mesmo interrompida, olha só que maravilha! Então não demore para agir aos primeiros sinais procure ajuda.

Eflúvio

Embora não seja um tipo de alopecia, é importante lembrar, porque é uma condição na qual o cabelo cai em grandes quantidades e todos podemos passar por isso. Os fios do nosso cabelo também tem suas fases a de nascimento e crescimento, desaceleração do crescimento e depois desses processos a queda. Então o ciclo vai se repetindo.

Os fatores que podem causar isso como dito antes é a depressão, mas também períodos pós-parto, menopausa dietas restritivas e uso de medicamentos. É muito bom lembrar que esse caso é reversível e os fios podem voltar a crescer, mais fique atento ao ver os sinais não deixe de agir.

Agora que identificamos as causas e você chegou à conclusão que realmente você está sofrendo de calvície o que fazer e como agir? Vamos ver o que você pode fazer.

Como é feito o tratamento da Calvície?

° Remédios

° Perucas

° Passar cremes

° Implantes

° Procedimentos estéticos

Essas maneiras se bem usadas vão te ajudar a lidar ou acabar com esse problema cada caso é um caso descubra o que é melhor pra você.

É importante estarmos bem com relação à nossa aparência isso contribui para a nossa felicidade para nossos relacionamentos. Se ame, se cuide, não está tudo perdido esse quadro pode ser revertido.

 

Leave a Reply